Maior e mais importante evento da indústria de aves, ovos e suínos da América Latina, o SIAVS contará com a participação do Diretor Global de Nutrição da PIC, Uislei Orlando, e da Coordenadora de Produção da Agroceres PIC, Juliana Ribas, em sua programação técnico-científica.

 

A Agroceres PIC participa entre os dias 29 e 31 de agosto, em São Paulo, do Salão Internacional de Avicultura e Suinocultura 2017 (SIAVS), o maior e mais importante encontro da indústria de aves, ovos e suínos da América Latina. Promovido pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), o SIAVS reúne a cada edição um grande número de empresários, produtores, políticos, dirigentes de agroindústrias e cooperativas, especialistas e técnicos de todos os elos da cadeia produtiva em torno de debates vitais para o desenvolvimento dos setores avícola e suinícola.

 

Neste ano, dois especialistas da Agroceres PIC participam da programação técnico-científica do evento. No Painel “Avanços na nutrição e seus reflexos na produtividade de aves e suínos”, programado para o dia 31 de agosto, Uislei Orlando, Diretor Global de Nutrição da PIC, fala sobre como o uso de novas tecnologias de nutrição podem melhorar o rendimento de carcaça e a qualidade da carne de suínos. “Esse tema é muito relevante para a indústria de suínos. A qualidade de carne ainda é algo de avaliação um tanto subjetiva, existindo diferenças de percepção entre os mercados. Nos Estados Unidos, por exemplo, há um valor muito elevado para tipo, gordura e firmeza do bacon. No mercado japonês, aspectos como cor e marmoreio são muito apreciados. É importante conhecer essas diferenças para melhor se posicionar no mercado internacional”, afirma Orlando. “Ao mesmo tempo a nutrição pode ser uma ferramenta altamente eficaz para melhorar a qualidade da carne e o rendimento de carcaça de suínos”, completa.

 

Em sua palestra, além de definir e traçar um panorama sobre as diferentes visões sobre a qualidade da carne suína nos principais mercados mundiais, o Diretor Global da PIC vai explicar como os programas e estratégias nutricionais disponíveis atualmente podem impactar no rendimento de carcaça e nas características e atributos finais da carne de suínos.

 

Bem-estar animal e métodos de insensibilização

No mesmo dia 31 de agosto, só que no Painel de Bem-estar Animal, Juliana Ribas, Coordenadora de Produção da Agroceres PIC, ministra a palestra “Métodos de atordoamento para aves e suínos”. Em sua apresentação Juliana vai apresentar e debater as principais metodologias de insensibilização utilizadas pelos países produtores de proteína animal, tendo como base a Europa, Estados Unidos e Brasil. “A escolha correta dos métodos de insensibilização é fundamental para garantir a aplicação do conceito de boa vida e boa morte aos animais de produção. Afinal, essas metodologias têm influência direta tanto no que se refere ao bem-estar, ou seja, no respeito ao animal no momento de abate, quanto na qualidade da carne e no tempo de duração de prateleira do produto”, explica Juliana.

 

As características dos diferentes tipos de insensibilização de aves e suínos e os métodos para aferir a efetividade das técnicas de atordoamento são alguns dos pontos que vão ser debatidos pela especialista da Agroceres PIC. “O objetivo de minha palestra é discutir as metodologias mais avançadas e os parâmetros corretos para a insensibilização dos animais, sobretudo, para que elas possam ser executadas da melhor forma possível”, explica Juliana.

 

 

Serviço

SALÃO INTERNACIONAL DE AVICULTURA E SUINOCULTURA (SIAVS)

Organização: Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA)

Data: 29 a 31 de agosto de 2017

Local: Anhembi Parque, São Paulo (SP)

Palestra: Nutrição como ferramenta para melhorar o rendimento de carcaça e a qualidade da carne de suínos”, por Uislei Orlando, Diretor Global de Nutrição da PIC, dia 31 de agosto, às 9h40min.   

Palestra: “Métodos de atordoamento para aves e suínos”, por Juliana Ribas, Coordenadora de Produção da Agroceres PIC, dia 31 de agosto, às 10 horas.